domingo, 1 de junho de 2014

Daniela Lasalvia - Madregaia [2007]


O material aprendido, apreendido, retrabalhado ou apresentado de forma pura, não seria contível no tempo de um único disco. Madregaia é um álbum duplo, que soma aos registros tomados diretamente nas fontes, as contribuições criativas e respeitosas de Luis Perequê, Renato Braz, Edu Santana, Dércio Marques, Kátia Teixeira, Vozes Bugras, Stênio Mendes, grupos Tarumã e Tarancón, Juh Vieira, Noel Andrade, Cao Alves, Toninho Carrasqueira, Toninho Ferragutti, Zé Elder, Joaõ Bá e Juraíldes da Cruz, Chico Buarque (sim, porque suas valsinhas vêm tão do fundo do País quanto o trenzinho com que Villa-Lobos nos desvenda a alma), Vidal França, Amauri Falabella e outros autores contribuem com seus trabalhos que partem da cultura oral e ajudam a compor o repertório de 26 maravilhas em forma de música. Resta falar da voz de Dani Lasalvia.

E resta falar do encanto - do estado de eterno encantamento de Dani Lasalvia. E da sonoridade ímpar que cada abordagem imprime ao original (re)tratado. E da alma - eu que não acredito em almas - dessa mulher magnífica. Mas as palavras serão frias, pois não traduzirão a emoção de ouvir Dani, de ouvir Madregaia.

Não, ela não assume esse papel. Seria incompatível com seu olhar carinhoso - nada de modéstia, por favor: apenas a compreensão de ser uma voz, uma pessoa, no conjunto das belezas reveladas. Mas é difícil não achar que, filha da terra, não seja ela um pouco mãe de nós, que tanto com ela aprendemos.

Mauro Dias, Jornalista
Maio de 2006

Disco >>> Download


2 comentários:

  1. Coisa mais Linda! Esse disco é um alento. Mais uma vez muita Gratidão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade!! esse disco é mágico. Tb sou Grato!!

      Excluir